Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

POESIA ÀS ESCONDIDAS

Poemas escritos por António Só

Platónico

Março 21, 2006

Ah, se ela viesse,
Como águia e eu a lebre,
E eu quedo estivesse,
Quem dela beijo recebe,
Não vejo ainda alma sua,
Mistério porque não cede,
Dar-me braço na rua,
E à chuva, matar a sede,
Dorso vendo encharcado,
Empinados, sorrindo
Como petrificado,
De um beijo lhe pedindo,
Ímpeto, se eu terei
Em palavras, espremendo-a
Na taça que beberei,
E esta vontade contendo-a.
A pele macia e vendo,
Quando percorrida a mão,
Arrepio dela eu tendo,
É triunfo, não ilusão,
Vou o desejo contendo,
Entumecendo o coração.
Pose sempre pensativa,
Dedo beijando o queixo,
Bela e contemplativa,
Olhando-a em desleixo,
Espreito o que entreabre,
As rolas apertadas,
Que é ferimento de sabre,
Quando estão de mãos dadas,
E no verde refrescante,
Da mente fértil e louca,
Sonho com o olhar distante,
Da beleza que nela é pouca.
Do íntimo meu escondo,
Não o que eu aparento,
Mas dentro é iracundo,
Porque não me contento,
Lavar a vista só,
Da água que sai dela,
Sem mácula, sem pó,
Pura que a faz mais bela,
E se sorriso oferece,
Como um sol generoso,
Eu penso: “dela tu esquece”,
Não ser nela formoso,
Como quando arrefece,
Em Inverno rigoroso.

3 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2006
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2005
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub