Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

POESIA ÀS ESCONDIDAS

Mais de mil poemas escritos às escondidas De António Codeço (1976 - 20??)

Mais de mil poemas escritos às escondidas De António Codeço (1976 - 20??)

Férias

Onde estiveste, diz-me, o que tens feito,

Há muito não te vejo? Andei por aí,

Fui ver o mar, o mar que nunca vi,

Medonho, imenso, que mete respeito,

Mudei talvez o meu conceito,

Permanecer à sombra de um rochedo,

Imponente, escoando espuma e medo,

Que ao mundo inteiro aprovo e até receito.

 

Fui ver ilhas perdidas no oceano,

No oceano azul, mar do meu pensamento,

Lancei ao mar profundo esquecimento,

De fugas, dúvidas por mais um ano,

Não sei o que fugir de mim. Não sei,

Ignoro, sei que só nasci um dia,

Embalaram-me as mãos das poesia,

Por minha Mãe extremosa, e amei, e amei.

 

Fui ver também o sol bater nas ondas,

Tentei, em vão, cristais seus vindimar,

Esforcei-me para parar de pensar,

em ter sonhos perfeitos de Giocondas,

A mansidão do mar, quanto me encanta,

Saber a sol tem gosto a qualquer coisa

A memória marítima gloriosa,

Que os feitos hoje ainda o mundo espanta.

 

Escrevi na fina areia poemas vários,

Sem grande rimas como o mar. Sem rima,

Deixei o meu sentir a quem vindima,

Beijos à costa, sem grandes salários,

Riqueza única, exibe o marinheiro

De adivinhar do mar temperamento,

Fui onde a ilha é sombra e esquecimento

Fingi que era da ilha seu escudeiro.

 

Fui visitar o médico também,

Que tem manias tolas de terapeuta,

Não existe cura para alma de poeta,

Só mesmo o Amor da minha santa Mãe,

Os livros, viagens íntimas que faço,

Os poemas, céus azuis que em vão conquisto,

Sobra-me ser eu próprio que é só isto,

Sou círculo imperfeito, sem compasso

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D