Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

POESIA ÀS ESCONDIDAS

Poemas escritos por António Só

Poemas escritos por António Só

Nocturno

Em cada fibra, em cada espaço,

Em cada lira, em cada braço

Em cada gesto a sapiência

Em cada abraço, a saliência

 

Em cada ardor, uma doçura,

Em cada flor, alva tontura,

Em cada flanco, um movimento

Em cada espaço, um pensamento,

 

Em cada gota, um mundo inteiro,

Em cada mente, um nevoeiro,

Em cada pedra, um nome eterno,

Numa obsessão, íntimo inferno.

 

Em cada lírio, uma bonança,

Em cada prado, verde esperança,

Em cada sábio, confusão

Em cada peito, a minha mão.

 

Em cada pele, um doce odor,

Em cada sexo, um novo ardor,

Em cada pálpebra pesada,

Em letargia, sua amada.

 

Em cada verso um devaneio,

Aperto a nádega e teu seio,

Num vendaval, num vai-e-vem

Atinjo o cume e tu também,

 

Em cada odor, em cada vaga,

Em cada travo o teu sabor,

Em cada lâmina de espada

O reflexo do nosso amor

 

Por vezes rubro, anjo adorado

Por vezes nosso mar ignoto,

Por vezes túmido, e calado

Vejo-me deste amor devoto,

 

Beijo-te, a flora, teu umbigo,

Beijo-te a selva onde penetro,

Beijo-te, como amante, amigo

Sinto-me ardente num deserto,

 

As nossas mãos fazem canções,

As nossas línguas, sinfonias,

As nossas almas, corações,

Os nossos sexos, poesias…

 

As minhas mãos nas tuas coxas,

Como me empurram para dentro

Qual primavera, desabrochas

As flores que me pões no centro.

 

Tão bela e nua à minha frente,

como se põe a Lua no céu

como flutua a minha mente

como se cola ao corpo o véu.

 

Em cada curva, um embaraço,

Em cada sorvo, me embriago,

Em ti flutuo nesse espaço

Em que te bebo num só trago.

 

Em cada fim, há um começo,

Em cada início, uma vontade,

Sulca-me o rosto, até me esqueço,

Que não possuo a Liberdade.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2005
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D